Conselhos para a vida

“Lutas, nós enfrentamos em todo tempo; elas até ajudam a forjar nosso caráter. Porém, não devemos deixar de confiar no Deus que tem o controle de tudo”.

 

Recentemente perdi meu cunhado, marido da minha irmã mais velha. Ele vinha lutando contra algumas enfermidades, não resistiu e faleceu. Quando soube da sua morte, senti uma tristeza profunda. Eu o considerava um irmão. Em meio ao sentimento triste, uma paz veio ao coração, motivada pela certeza de que ele estava com o Senhor. Era conhecido de todos que conviviam com ele como um servo bom e fiel a Deus. A notícia da sua morte me fez pensar sobre a brevidade da vida e como tudo passa tão rápido. Então, foi inevitável pensar no livro de Eclesiastes.

Provavelmente escrito pelo sábio Salomão, Eclesiastes é um livro que considera toda atividade do homem debaixo do sol como efêmera, fútil, incompreensível ou enigmática. O livro contrasta a inconstância do homem com a constância de Deus; a transitoriedade do homem com a eternidade do Senhor. Sua mensagem consiste na convicção de que o homem, assim como os anos, passa; e que o ser humano não tem o controle das coisas, incluindo os propósitos de Deus. Tudo é vaidade, diz o texto – e tudo vai com a idade, passa com o tempo. O homem é transitório; Deus é eterno, imutável, fiel, constante. E, porque Deus é constante, podemos confiar nele. Sendo assim, a conclusão do escritor é de que temer a Deus e guardar seus mandamentos é a garantia de uma vida boa e a esperança de desfrutar das bênçãos divinas. 

A ideia da necessidade de se temer a Deus deixa a mensagem do livro de Eclesiastes bem atual, pois o que vemos nos nossos dias é uma exacerbada falta do temor, uma busca constante pelo prazer cada vez mais pessoal e individualista – convenhamos, uma realidade bem distante dos conselhos do sábio! Por isso, convido o amado leitor a viver intensamente, observando alguns conselhos, baseados em Eclesiastes 11.1-6, que contrastam com o egocentrismo e o hedonismo que costumamos notar nos nossos dias:

 

1. Seja generoso – versículos 1 e 2

A expressão “lança teu pão” é bem sugestiva e parece indicar um convite à generosidade, à importância de se fazer o bem, ao exercício da misericórdia. O apelo do generoso é: “Reparta o que você tem”, não acumule bens materiais, usufrua e reparta-os como puder. Há sempre alguém que você pode abençoar. “Depois de muito tempo” é outra afirmação digna de atenção, pois dá a conotação de retorno. Contudo, mesmo sabendo que misericórdia é um grande investimento que trará grandes proveitos, seja uma bênção para os outros sem esperar recompensa. “E não nos cansemos de fazer o bem, pois no tempo próprio, colheremos, se não desanimarmos”. “Portanto, enquanto temos oportunidade, façamos o bem a todos” (Gl. 6: 9 e 10).

 

2. Não olhe as circunstâncias – versículos 3 e 4

 “Quem observa o vento não plantará; e quem olha para as nuvens não colherá”. A ideia aqui apresentada traz a garantia de que nós não vivemos num mundo mecânico ou aleatório, governado simplesmente por leis naturais ou pelo acaso. Vivemos em um mundo governado por Deus – sim, o Senhor tem o controle em suas mãos! A sabedoria humana não tem domínio sobre o tempo ou as circunstâncias. Não olhe para os ventos nem para as nuvens. Quem fica parado olhando as circunstâncias não plantará nem colherá. Portanto, não perca tempo com demasiadas ponderações, enxergando apenas obstáculos e dificuldades. Não há virtude na ansiedade nem nas preocupações, mas há esperança para aqueles que confiam em Deus e se ocupam em fazer o seu trabalho, independentemente das circunstâncias. Tenha fé! “Sem fé é impossível agradar a Deus”; “O justo vive por fé” (Hb. 2.4). “Lançando sobre Ele toda vossa ansiedade” (1Pe 5.7).

3. Não pare diante das dificuldades – versículo 5

“Assim como você não entenderá como se forma a vida na mulher grávida, também nunca entenderá o mistério de tudo que Deus faz”. A ênfase é: Você não tem controle sobre a vida; Deus é que domina sobre todas as coisas. Tanto o vento como a criação da vida são obras da sabedoria e onipotência divina. Deus pode fazer coisas na sua vida que você nunca julgou serem possíveis. Cabe a nós entender que cada época da nossa vida cristã traz oportunidades e deveres. Uma crise pode ocasionar oportunidade de crescimento e novas realizações. Esteja atento, pois, às oportunidades que surgem e não se abata com as dificuldades. Como diz o sábio: “Quem está entre os vivos tem esperança” (Ec 9.4). Você está vivo! Portanto, há esperança! Lutas, nós enfrentamos em todo tempo; elas até ajudam a forjar nosso caráter. Porém, não devemos deixar de confiar no Deus que tem o controle de tudo.

 

4. Lança a semente V. 6

Neste ponto, podemos fazer um paralelo com o texto de Mateus 13. De acordo com o ensino da parábola do semeador, uma semente lançada pode encontrar solo fértil e germinar. Então, anuncie a Palavra e faça o bem em dias bons e em dias maus. Semeie a palavra da cruz: ela gera salvação, perdão e cura. Esteja preparado, a tempo e fora de tempo (2Tm 4.2). Foi-nos dada a nobre missão: Ide e pregai! Muitas vezes, não compreendemos o agir de Deus e não sabemos o que vai acontecer, mas devemos temer ao Senhor e obedecer à sua Palavra. Portanto, vá aonde Ele o enviar e não resista à sua voz. Se Ele mandou falar, fale; o que Ele falar, escute. Pregue o Evangelho! Fazendo assim, poderemos “livrar da morte uma alma e cobrir multidão de pecados” (Tiago 5.16).

Sendo assim, desejo que, de algum modo, essas palavras encontrem lugar em seu coração e o ajudem na tomada de atitudes que possam beneficiar sua caminhada cristã, contribuindo para seu crescimento espiritual e relacional. Desejo, ainda, que no exercício diário de atitudes salutares, sua vida gere benefícios a outras pessoas, levando-as a temer a Deus e amar ao próximo como a si mesmas.

Abilene da Paz Barros Silva – Pós-graduada em Psicoterapia Psicanalítica e em Psicopedagogia Clínica e Institucional e graduada em Teologia e Pedagogia. Coordenadora nacional da Rede Tirzah Brasil e coordenadora regional da Tirzah International. E-mail: abipaz21@gmail.comcom.br. Fone: (43) 991847577

Ligue:

43 - 99184 7577